Metodologias de ensino: o que são e que métodos existem?

Metodologias de ensino

Métodos de ensino – para além do convencional

Nem sempre as metodologias de ensino tradicional serão o mais adequado para certas crianças e para os objetivos dos respetivos pais. Muitas vezes na altura de inscrição das crianças na escola, ou até mesmo na escolha de uma babysitter que o vai ajudar na educação dos seus filhos, a escolha da metodologia de ensino ideal não é fácil.

Valoriza um ambiente de ensino familiar acolhedor onde o tempo de aprendizagem da criança é respeitado? Preocupa-se mais com a criação de rotinas e  alimentação saudável? Ou prefere um método de ensino mais exigente e regrado? Cada metodologia de ensino segue uma abordagem diferente.

O que são metodologias de ensino?

As metodologias de ensino podem ser definidas como o caminho pelo qual se atinge os objetivos de ensino-aprendizagem, ou seja, é um conjunto de ações de ensino que visam assegurar a aprendizagem de uma criança.

Existem vários tipos de metodologias de ensino. Descubra que escolas em Portugal o praticam:

Metodologia de ensino de Pestalozzi

O educador e pedagogista Johann Pestalozzi idealizava que a escola deveria ser o segundo lugar da criança, onde a atmosfera fosse de amor e afeto. No método intuitivo de Pestalozzi, a educação é centrada no aluno.

Esta metodologia de ensino passa pela preocupação dos professores compreenderem cada etapa, aptidões e necessidades de cada criança. Pestalozzi afirmava que o processo educativo era composto por três dimensões humanas – cabeça, mãos, coração, e o objetivo de aprendizagem das crianças passava pela formação intelectual, física e moral. 

O educador era contra o julgamento e, consequentemente, nas escolas que fundava não havia notas nem castigos. O educador defendia que a resolução dos problemas era a partir de soluções com raciocínio lógico, emocional e moral.

Escola em Portugal – Jardim Infantil Pestalozzi, Lisboa

Metodologia de ensino de Waldorf

Esta abordagem pedagógica é baseada na filosofia de educação de Rudolf Steiner. A pedagogia em questão procura integrar e envolver o desenvolvimento físico, espiritual, intelectual e artístico dos alunos.

A metodologia Waldorf estimula o sentir, a imaginação e a criatividade através por exemplo, da leitura de contos e de atividades artesanais. A partir destas componentes o objetivo principal desta metodologia de ensino é educar e conduzir para que cada aluno, ao seu ritmo, construa um pensamento/raciocínio livre e autónomo, para que cada criança consiga desenvolver uma personalidade única, equilibrada e integrada socialmente. 

Atualmente é cada vez mais valorizada a alimentação e a relação com a comida e escolas com a metodologia de ensino Waldorf, educam e ensinam as crianças a comer com equilíbrio e cuidado, criando hábitos alimentares mais saudáveis.

A abordagem pedagógica Waldorf não é focada em livros ou recursos didáticos tradicionais, mas em técnicas e materiais e colocam o aluno em contato com a natureza e com atividades do dia a dia.

Escola em Portugal – Escola Waldorf Jardim do Monte, Vila Franca de Xira

Metodologia de ensino de Cartilha Maternal

Ao contrário das duas anteriores metodologias de ensino, esta pedagogia fundada por João de Deus,  foca-se na aprendizagem da fala através da leitura. Os professores recorrem à linguagem oral e a grafismos que auxiliam na decomposição das palavras, mantendo o grafismo e a sonoridade das mesmas.  Tem uma disciplina verdadeiramente rigorosa e o seu ensino é muito exigente.

As principais características da Cartilha Maternal passam pela implementação de disciplina rigorosa e materiais de ensino exigentes, estimulando as capacidades metacognitivas das crianças, incitando a auto correção de cada criança, e ensinando a nunca ler de cor. 

Escola em Portugal – Associação de Jardins Escolas João de Deus, Torres Vedras

Metodologia de ensino Montessori

Este método reflete a importância do respeito pelo individualismo de aprendizagem de cada criança, por meio do desenvolvimento natural e espontâneo de cada uma. 

Maria Montessori, fundadora desta metodologia, tem como principal pressuposto a liberdade e o valor de que cada criança tem e transmite individualmente. Esta educadora também acreditava na autoeducação das crianças e que cada uma deverá ter autonomia suficiente para aprender e desenvolver- se de maneira ativa, no respetivo ritmo. 

Um conceito que está diretamente relacionado com este método de ensino é a tendência liberal renovada progressivista, que defende que o aluno é o foco principal e que as restantes componentes de ensino – como aprendizagem, professores e o ensino – devem ser direcionadas para as capacidades e competência de cada aluno. 

Relativamente aos conteúdos de ensino, o mesmo deve variar consoante as necessidades das crianças e deverão ser desenvolvidos de acordo com o interesse que é despertado por cada aluno.

Tendo como objetivo central “aprender a aprender”, o ensino deve ser articulado com experiências, descobertas e atividades, com as quais as crianças possam aplicar e desenvolver as competências. 

Escola em Portugal – Escola Montessori do Porto, Porto

Para além das pedagogias mencionadas podem suscitar interesse as seguintes também High-tech, Velaverde, ou Escola da Ponte, que apresentam qualidades e métodos de ensino bastante diferenciadoras. Para saber mais sobre outras metodologias de ensino, consulte o link.