Perguntas e conselhos na contratação de um serviço de babysitting

As babysitters das Baby Sisters

Uma nova realidade – serviços de babysitting

As alterações das exigências laborais e as alterações da estrutura familiar têm vindo a aumentar a procura por serviços de babysitting. Os imprevistos como reuniões e jantares de trabalho, ou mesmo um momento para investir na relação de casal leva acada vez mais pais a recorrerem a serviços de babysitting para manterem o seu bem-estar e o dos filhos.

É então que as Agências de Babysitters surgem como resposta a estas necessidades, com serviços de apoio ao domicílio. O trabalho de babysitting envolve grande responsabilidade e requer que a babysitter apresente formação técnica, qualificação, competências para o desenvolvimento da criança, e capacidade de assistência em caso de acidente.

Uma babysitter qualificada irá realizar actividades adequadas à idade da criança, proporcionando momentos divertidos que promovem novas aprendizagens e desenvolvem competências das crianças a todos os níveis.

A primeira conversa com as babysitters é muito importante.

Primeiramente, é importante que os pais estejam cientes que a qualidade do serviço prestado também depende da sua capacidade de verbalizar as suas expectativas. Deverão dar indicações quanto às regras, bem como comunicar as rotinas e hábitos da família de forma à babysitter conhecer as dinâmicas familiares e ajustar o seu trabalho.

Assim, os pais deverão dar todas as informações básicas:

  • Contactos de familiares e do pediatra;
  • Gostos alimentares, intolerância, alergias e horários de alimentação;
  • Jogos e peluches preferidos;
  • Rotinas e horários para dormir.

As crianças sentem-se mais seguras quando sabem o que vai acontecer durante o dia e o que é esperado delas. Assim garantimos o seu equilíbrio e conforto, evitando comportantos de ansiedade ou de oposição.

Que outras questões devo colocar à agência de babysitting?

  • Pedir à babysitter o seu contacto bem como informação sobre as suas qualificações;
  • Certificar que a babysitter se desloca a casa da criança, um espaço conhecido e seguro, para uma experiência positiva;
  • Garantir a presença sempre da mesma babysitter. Uma das maiores necessidades da criança é saber que todos os dias irá encontrar os mesmos cuidadores. A estabilidade e a previsibilidade são essenciais para o equilíbrio emocional das crianças, sobretudo das mais pequenas.

Em suma, quando uma família procura um serviço de babysitting, deve comunicar as suas expectativas e preocupações. Esta comunicação é muito importante para garantir a qualidade do serviço. Estabelecer meios de comunicação abertos irá beneficiar todos as partes (criança, família e cuidador).

Obrigada Chantal Johanna Feron, Psicologia Clínica pelo artigo.

Se pretender saber mais sobre as nossas babysitters, leia o artigo “5 razões para escolher as nossas babysitters”.

Ainda assim, se tiver mais questões, não hesite em contactar-nos https://babysisters.pt/formulario-agendamento/ ou através do WhatsApp (+351) 938 912 512.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *